Integrantes
Coordenador: Prof. Dr. Alberto Inácio da Silva

O Grupo de Pesquisa em Árbitro de Futebol (Gpaf), apesar de ter sido criado oficialmente no ano de 2007, seus principais pesquisadores veem desde 1999 publicando trabalhos de cunho científico envolvendo árbitros de futebol em revistas nacionais e internacionais.

Os primeiros trabalhos foram desenvolvidos na Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), no ano de 1997, pelo coordenador do grupo, o Prof. Dr. Alberto Inácio da Silva, sobre a orientação do Prof. Dr. Ciro Romelio Rodriguez Añez.

Durante a sua graduação, o Prof. Alberto, verificou a ausência de dados científicos para a fundamentação do treinamento do árbitro de futebol, quando ele desenvolvia um programa de treinamento piloto para árbitros de futebol. A partir dessa constatação ele começou a investigar os árbitros de futebol e seus primeiros trabalhos publicados foram relacionados às ações motoras do árbitro e do árbitro assistente durante a partida, gasto energético do árbitro e do assistente de futebol no transcorrer da partida, desenvolvidos durante o curso de especialização, na PUCPR e na Universidade Federal do Paraná (UFPR), nos anos de 1998 a 1999.

Em 2000, o Prof. Alberto entrou na especialização de Fisiologia Humana na UFPR, onde conheceu o Prof. Dr. Ricardo Fernández Perez. Juntos desenvolveram um estudo direcionado a determinação da perda hídrica do árbitro e do árbitro assistente durante a partida, que posteriormente foi publicado na Inglaterra.

No ano de 2001, durante o curso de mestrado no Instituto Superior de Cultura Física em Cuba, o Prof. Alberto conheceu o Prof. Dr. Edgardo Romero Frometa, e juntos desenvolveram pesquisas relacionadas à verificação da eficácia dos testes físicos desenvolvidos pela Fifa para avaliar fisicamente os árbitros de futebol e uma metodologia para a preparação física do árbitro de futebol utilizando exercícios do atletismo.

Após seu retorno para o Brasil, o Prof. Alberto foi aceito no programa de doutorado em fisiologia, no ano de 2004, e juntamente com o Prof. Ricardo, desenvolveu vários trabalhos com os árbitros de futebol, dentre os quais se destacam: gasto energético e intensidade da atividade física do árbitro durante a partida, hidratação do árbitro durante a partida, somatotipo, IMC e perfil antropométrico do árbitro de futebol, etc.

Com o acúmulo de conhecimento científico adquirido nestes anos de estudo com árbitros de futebol, o Prof. Alberto publicou em 2005, com recursos próprios e de alguns patrocínios, o único livro da América Latina fundamentando o treinamento do árbitro de futebol, com dados coletados em inúmeros estudos desenvolvidos com árbitros no Brasil e no exterior. O livro foi intitulado “Bases cientificas e metodológicas para o treinamento do árbitro de futebol”.

Assim sendo, somente no ano de 2007, após o Prof. Alberto entrar na Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), foi que o grupo de pesquisa foi efetivamente constituído. Sendo que, neste mesmo ano, o grupo de pesquisa foi registrado no CNPq, com o nome Arbitragem – Futebol de campo, sendo composto hoje por seis doutores, três mestres e um especialista, de várias universidades (UFPR, PUCPR, UFPI, UFS, FMU), tendo ainda em sua composição cinco acadêmicos inscritos em programas de iniciação científica.

Nos últimos anos foram publicados inúmeros artigos dos mais variados temas relacionado à arbitragem do futebol por nosso grupo, e destacamos: Árbitro de futebol e legislação esportiva aplicável; Perfil Antropométrico y Aptitud Física de Árbitros del Fútbol Profesional Chileno; Causas que levam alguns árbitros a desistirem da carreira de árbitro profissional; Contagem leucocitária de árbitros profissionais antes e após partidas oficiais de futebol; Análise da capacidade aeróbia e anaeróbia de árbitros de elite do Brasil; Arbitro de futebol x marketing: uma opção a ser explorada; O árbitro de futebol – uma abordagem histórico-crítica, entre outros.

13

mai'14

Análise Comparativa do Consumo Máximo de Oxigênio e Perfil Antropométrico entre árbitros e jogadores de futebol

A estimativa do VO2máx a partir de protocolos de esforço com características máximas ou submáximas sempre atraiu a atenção dos investigadores no meio futebolístico

Leia Mais

08

jan'09

Análise das situações onde os árbitros de futebol sofrem lesões

São necessários treinamentos que levem em consideração além das exigências físicas nos jogos, as necessidades energéticas para a realização dos testes físicos

Leia Mais

03

jun'08

Resposta fisiológica do árbitro no transcorrer do jogo

Medição das reações dos árbitros durante as partidas é fundamental para a periodização do treinamento

Leia Mais

17

mar'08

O árbitro de futebol – uma abordagem histórica

Abordagem sobre a situação atual dos árbitros pode ser explicada pelo histórico da carreira no futebol

Leia Mais

18

jan'08

Ações motoras do árbitro de futebol durante as partidas

Estudos são fundamentais para a orientação do planejamento físico para os juízes de futebol

Leia Mais

Sobre a Universidade do Futebol

A Universidade do Futebol é uma instituição criada em 2003 que estuda, pesquisa, produz, divulga e propõe mudanças nas diferentes áreas e setores relacionados ao universo do futebol, enquanto atividade econômica e importante manifestação de nosso patrimônio cultural, nas dimensões socioeducativas e no alto rendimento, e que conquistou o reconhecimento e credibilidade da comunidade do futebol.

Posts Recentes

Cursos em Destaque

© 2016 Universidade do Futebol. Todos os direitos reservados.