Universidade do Futebol

Artigos

13/08/2014

Depoimento de Tite sobre a conquista do título mundial do Corinthians em 2012

A preparação final da equipe do Corinthians, que culminou com o título mundial em 2012, foi o desfecho de um trabalho amplo e complexo que envolveu aspectos técnicos, táticos, emocionais, físicos, diretivos, disciplinares e midiáticos, entre outros.

No aspecto técnico eu contava com uma equipe qualificada de atletas, que não se resumia apenas a onze jogadores, mas a um elenco inteiro que se complementavam. A equipe era composta por grandes jogadores, sem uma estrela única. Posso afirmar que esta equipe foi, em termos mentais, a mais inteligente e brilhante com que já trabalhei.

Destaco que nesta conquista foram fundamentais a capacidade de compreensão e pratica das orientações táticas, individuais e coletivas, a valorização do treinamento em alta intensidade física e mental demonstrados por todos. Acrescentaria também, como um grande diferencial, a coragem de enfrentamento demonstrada pelos atletas.

Outro ponto a ser enfatizado nesta conquista se relaciona às pressões da imprensa e torcedores que eram devidamente filtradas pela comissão técnica, direção e até mesmo pelos próprios funcionários e atletas. Estes, eticamente se respeitavam e entendiam que o merecimento de jogar (titularidade) estava ligado ao desempenho do momento e a oportunidade e não ao status, pressão da mídia, do empresário, de seu nome ou passado, ou outra razão qualquer.

Em termos de desempenho físico, o trabalho foi muito bem coordenado pelo Fábio Masseredian, dando-se prioridade aos aspectos técnico- táticos, porém controlando-se minuciosamente a intensidade em relação ao volume dos treinamentos.

Enfim, posso resumir que um grupo normal de pessoas, em um momento especial de suas vidas, conseguiu construir um feito extraordinário. Mereceu, com desempenho e efetividade, o título de campeão mundial.

Comentários

Deixe uma resposta