Universidade do Futebol

Colunas

29/01/2016

Grêmio e Atlético Mineiro fora da Libertadores?

O título do texto parece alarmante, mas o fato é que eventual sequência na Primeira Liga pode gerar punições pesadas aos participantes.

Os clubes filiados à CBF fazem parte do sistema federativo e, portanto, tem a obrigação de seguir as normas da Fifa, que no art. 18 de seu Estatuto proíbe a participação em competições não oficiais sem a devida autorização.

O descumprimento das normas da Fifa, nos termos do art. 12 de seu Estatuto é suscetível às seguintes penalidades (texto oficial em espanhol).

a) prohibición de efectuar transferencias;
b) jugar a puerta cerrada;
c) jugar en terreno neutral;
d) prohibición de jugar en un estadio determinado;
e) anulación del resultado de un partido;
f) exclusión de una competición;
g) derrota por retirada o renuncia;
h) deducción de puntos;
i) descenso a una categoría inferior.

O art. 28, por sua vez, dispõe que a exclusão de uma competição pode se referir à retirada do direito de participar de uma competição em curso ou futura.

Portanto, por mais que a Primeira Liga possa ser importante para o desenvolvimento do futebol brasileiro, a participação na competição, sem a autorização da CBF, pode trazer gravíssimos danos aos clubes, inclusive, a exclusão de Grêmio e Atlético da Libertadores da América.

Comentários

Deixe uma resposta