Universidade do Futebol

Artigos

05/11/2008

Velocidade e sua relação com as capacidades físicas

Sobre velocidade, podemos entender a qualidade particular do músculo e das coordenações neuromusculares, que permitem ao atleta uma sucessão rápida de gestos que consistem numa mesma ação de intensidade máxima.

A velocidade no futebol está relacionada com a bola, com a percepção e entendimento dos espaços, combinação/relação com os outros atletas e mudanças de ritmo. No futebol, é preciso dar objetividade e precisões específicas à velocidade. Isso requer trabalho como qualquer outra técnica, e os mesmos devem vir desde a formação até à idade adulta. A velocidade não é treinada isoladamente no jogador de futebol, mas sim com uma adequação aos fatores de força e de coordenação.

No futebol atual, a velocidade é um dos principais fatores para um time vencer uma partida. A pressão na bola é muito forte quando o time não tem a sua posse. E quando a tem, procura sair em velocidade para pegar o adversário desprevinido.

Velocidade aliada a força:

Força é a qualidade do músculo, ou das coordenações neuromusculares em exercer tensão na ação de empurrar, tracionar, ou elevar, vencendo ou não a resistência. A força é uma capacidade que se manifesta de diferentes formas e é diferente em função das necessidades de cada ação motora.

A força deve ser treinada juntamente com a velocidade, principalmente nas pré- temporadas, onde os atletas precisam de uma base muscular e uma base cárdio-respiratória para, aí sim, suportar os treinamentos mais pesados, tanto de força quando velocidade.

Velocidade aliada a coordenação:

Coordenação motora é a capacidade de coordenação de movimentos decorrente da integração entre comando central (cérebro) e unidades motoras dos músculos e articulações. Responsável pela realização de movimentos de forma eficiente, onde o mínimo de energia é exigido. A coordenação reveste-se de uma capacidade importantíssimca para os atletas de futebol e demais desportos.

A coordenação dos atletas é impotante não só para coordenar seus movimentos, mas também para aumentar a força de velocidade de um músculo. Sabendo que uma das bases para a velocidade é a coordenação, devemos iniciar esse trabalho nas categorias de base e continuar até o atleta atingir a equipe profissional.

Portanto, a força e a coordenação aliadas com a velocidade é de suma importância não só nas pré-temporadas, mas com certeza durante todo o ano, seja ela para manter, melhorar ou até previnir os atletas.

Comentários

Deixe uma resposta