Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade
Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

A fração de segundo que envolve o comportamento da equipe na transição ataque-defesa é determinante para um bom desempenho de jogo dado os inúmeros gols que acontecem em transição ofensiva. Portanto, ter uma rápida mudança de atitude e assertivas ocupações de espaço tanto individuais como coletivas podem contribuir para a recuperação da posse de bola ou, ao menos, para o atraso da ação ofensiva adversária.

No jogo desta semana, cumprir bem as regras do jogo e, dessa forma, se aproximar da vitória, implica ter um bom desempenho após perder a posse de bola.

Jogo Conceitual em Ambiente Específico de Transição Defensiva

– Dimensões do campo oficial. ~ 100m x 70m;
– Campo dividido em 6 faixas horizontais (16m, 17m, 17m, 17m, 17 e 16m);
– Campo dividido em 4 faixas verticais (~17,5m);
– Formam-se, então, 24 quadrantes como o identificado na figura abaixo;
– Tempo de atividade, incluindo esforço e pausa, a critério da comissão técnica, em função dos objetivos desejados.

Plataforma de Jogo Equipe A (preta): 1-4-2-3-1
Plataforma de Jogo Equipe B (azul): 1-3-4-1-2

Regras do Jogo

1.Limite de 2 toques por jogador no campo de defesa e livre no campo de ataque;

2.Perder a posse de bola no campo de defesa e não recuperá-la em até 5” com o adversário mantendo a posse à frente do meio = 1 ponto para o adversário;

3.Perder a posse no campo de ataque e durante 8” para cada passe em que houver mudança de quadrante da bola e não houver a pressão de pelo menos 1 jogador no setor em que se originou o passe = 1 ponto para o adversário;

4.Perder a posse no campo de ataque e recuperá-la em até 5” com dois jogadores no quadrante em que estava a bola = 1 ponto;

5.Perder a posse no campo de ataque e recuperá-la em até 5” com dois jogadores no quadrante em que estava a bola e o restante da equipe em, no máximo, 3 faixas verticais e 3 faixas horizontais (com exceção do goleiro) = 2 pontos;

6.Gol = 10 pontos;

7.Pontuar na transição defensiva (regras 4 ou 5) + gol em até 10”= 20 pontos.

Assista aos vídeos com os exemplos de algumas regras:

Regra 2
 


 

A equipe preta perde a posse de bola no campo de defesa e não a recupera em até 5 segundos. Esta ação vale um ponto para a equipe azul.

Regra 3
 


 

A equipe azul perde a posse de bola no campo de ataque e durante 8 segundos há três passes realizados sem a pressão de pelo menos um jogador no setor em que estava a bola. Esta ação vale três pontos para a equipe preta.

Regra 5
 


 

A equipe azul perde a posse de bola no campo de ataque e a recupera em até 5 segundos com dois jogadores no quadrante em que estava a bola e o restante da equipe em até 3 faixas verticais e horizontais. Esta ação vale dois pontos para a equipe azul.

Regra 7
 


 

Após pontuar com a transição defensiva (vide regra 5), a equipe preta não recupera a posse em até 5” e, além disso, a equipe azul faz o gol em menos de 10”. Esta ação vale vinte e três pontos (2+1+20) para a equipe azul.

Para a gestão deste jogo aconselha-se, além do árbitro, a utilização de um auxiliar com a responsabilidade da análise, intervenções e contagem de pontos para cada uma das equipes. Para isso, a comissão técnica deve ter como pré-requisito a compreensão do jogar que se pretende atingir.

Bons treinos!

Para interagir com o autor: eduardo@universidadedofutebol.com.br

Leia mais:
Banco de jogos – jogo 1
Banco de jogos – jogo 2
Banco de jogos – jogo 3
 

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on pinterest

Deixe o seu comentário

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Mais conteúdo valioso