Universidade do Futebol

Colunas

08/10/2017

Gerindo o futebol como negócio

Qual o papel de um gestor esportivo ligado ao futebol?

No futebol brasileiro, ainda convivemos com situações inadequadas de atuação dos gestores e executivos de futebol nos clubes brasileiros: o amadorismo. Seja por qual motivo for, ainda estamos em patamar amador de gestão, no qual decisões passionais e problemas de comunicação levam estes colaboradores a situações complicadas e ainda degradam o ambiente no qual trabalham. Então, qual ou quais seriam alguns pontos importantes para uma boa gestão do futebol, como um negócio, levando em consideração suas características peculiares.

Eu acredito que existem vários pontos importantes para uma boa gestão do futebol e vou destacar dois na coluna de hoje, inclusive já comentei brevemente sobre eles em outra ocasião. Vamos lá.

1 – Conhecer o planejamento estratégico de um clube de futebol

Conhecer o planejamento estratégico, contribuir para a sua elaboração e atuar conforme este planejamento, se faz uma grande responsabilidade do gestor esportivo. Podemos compreender o conceito de planejamento estratégico como sendo um filtro da viabilidade futura, onde os planos estratégicos apresentam as oportunidades do amanhã, pois:

  • Fomenta oportunidades de novos espaços;
  • Extrapola as fronteiras das unidades de negócios;
  • Revela as necessidades dos clientes.

Ainda, num planejamento estratégico devem ser identificados os pontos fortes e fracos, as ameaças e as oportunidades das atividades do negócio futebol, necessárias às decisões que definem os destinos de produtos e serviços e como consequência o sucesso ou o fracasso das organizações. Para elaborar um planejamento estratégico que atenda às necessidades de um clube de futebol, é necessário ter o entendimento abrangente de todo o ambiente interno, a fim de conhecer os elementos de planejamento, ou seja, objetivos do clube, objetivos das áreas funcionais, desafios, necessidades de informações, processos gerenciais, etc.

2 – Estruturar e atuar conforme o modelo de gestão do futebol do clube

Um gestor do negócio futebol, que não conheça e não pratique um modelo de gestão, está caminhando a passos largos ao insucesso de sua gestão. Ter um modelo, acreditar nele e atuar com transparência adequada, traz elevadas chances de se conseguir uma gestão eficaz, na qual os projetos de melhoria e a gestão da rotina são grandes aliados no trabalho em si.

Na minha compreensão, um modelo de gestão tem como objetivo garantir o alinhamento de toda a entidade esportiva em busca dos objetivos estratégicos da organização e fornece suporte à decisão. Este também estimula o trabalho em equipe e a colaboração entre as áreas de uma organização esportiva, reforçando que todos estão com o mesmo alinhamento e compartilham dos mesmos objetivos. Faz parte necessária compreender o conjunto de crenças, valores e princípios que determine a forma como o futebol de um clube e o próprio clube é administrado.

Na prática, o modelo de gestão pode ser definido ainda com um conjunto de métodos, suportado por diversas ferramentas de gestão e aliado a uma atitude adequada das lideranças e dos colaboradores na aplicação destas na organização esportiva. Trata-se de um salto de qualidade na gestão de clubes e entidades esportivas. Ao definir-se um modelo de gestão, estabelecemos uma linguagem comum dentro da organização.

O novo gestor precisa estar atento à aplicação dos conceitos de gestão nas entidades esportivas, conhecer temas como planejamento estratégico e modelo de gestão é premissa obrigatória na competência de gestão dos novos profissionais.

Então, amigo leitor, na prática todo gestor esportivo ligado ao futebol tem por necessidade não só de conhecer, como também de atuar conforme um planejamento estratégico definido e um modelo de gestão eficaz, pois sem eles muito das decisões cotidianas são apenas emocionais, impensadas e remetem apenas a experiências passadas destes profissionais, que eventualmente não se aplicam mais ao cenário atual do esporte.

Até a próxima.

Comentários

Deixe uma resposta