Universidade do Futebol

Gustavo D’Avila

16/10/2014

Meditação funciona no esporte?

A harmonização corpo-mente é uma coisa muito importante para os atletas, e a meditação tem se apresentado como uma prática de ótimos e reconhecidos resultados para todos.

Meditar é pensar sobre, refletir. Entendendo melhor o significado da meditação podemos recorrer a Osho (foi professor de filosofia e grande mestre na arte da meditação), que a define como sendo uma maneira de ir para dentro de si mesmo, um modo de fixar em nós mesmos, no mais profundo centro do nosso ser.

A meditação ajuda a combater o estresse criado em função da pressão inerente ao desportista de alto rendimento, bem como pelo desgaste criado pelas exigências orgânicas e psicológicas sofridas pelos atletas. Sua atuação nos estados emocionais e nas atitudes mentais influenciam a saúde e desempenho profissional e mental.

Além dos benefícios acima citados, a meditação também é uma excelente fonte de autoconhecimento para o ser humano, o que para os atletas é muito valioso, pois quando ele se torna capaz de integrar a sua mente com seu coração e as suas ações com suas intuições, ele encontra um significado genuíno em sua vida e carreira enquanto atleta e com isso ele se torna naturalmente muito mais autoconfiante.

Sendo mais autoconfiante o atleta consegue aplicar na prática o melhor de toda sua inteligência e conhecimentos para tornar sua vida mais equilibrada e harmoniosa, contribuindo para o alto desempenho na carreira esportiva.

Hoje existem evidências que a meditação promove:

•Redução dos sintomas de estresse
•Redução da hipertensão
•Redução do hábito de fumo e do consumo de álcool
•Redução da tensão muscular
•Melhora em sintomas do humor e sintomas do estresse em atletas com lesões graves
•Melhora da atividade imunológica
•Melhora consequente no desempenho esportivo

Ainda, pesquisas realizadas pela pesquisadora Sarah Lazar, do Massachusetts General Hospital revelam que o córtex cerebral nas áreas relacionadas à atenção, memória e tomada de decisão de meditadores que fazem a prática pelo menos 40 minutos por dia são mais espessas.

Então, você acha que vale a pena realizar alguns pilotos de meditação com atletas e testar sua eficácia na prática? Eu acredito!

Até a próxima!

Comentários

Deixe uma resposta