Universidade do Futebol

Bruno Baquete

25/03/2012

Princípios estruturais: atividades práticas para compactação defensiva e bloco

Na coluna “Princípios estruturais: atividades práticas para apoio e mobilidade”, iniciei uma discussão que terá seu segundo capítulo nesta semana.

Esta série vem para discutir algumas atividades que podem ser utilizadas para o desenvolvimento de determinados princípios estruturais de jogo.

Discutirei nesta oportunidade a compactação defensiva e o bloco. Ambos se configuram como princípios de defesa e, como destaquei em coluna anterior, eles servem para deixar o campo “pequeno” quando a equipe está sem bola, dificultando, assim, as investidas do adversário.

Vamos à definição dos princípios:

A compactação defensiva, segundo Bangsbo e Peitersen (2002), Parreira (2005) e Leitão (2008) é a orientação espacial que tem por objetivo manter as linhas de marcação da equipe próximas umas das outras; em outras palavras, visa manter as linhas de defesa, meio-campo e ataque compactadas.

O objetivo desse princípio é evitar espaços entre as linhas de marcação e evitar assim a criação de apoios de adversário nessas regiões.


 

Já o bloco, segundo Leitão (2008) se refere à movimentação coordenada vertical (de linha de fundo à linha de fundo) de todos os jogadores da equipe a fim de manter a sua organização e evitar espaços entre suas linhas. Neste princípio, o objetivo é manter a organização das linhas de marcação nos momentos em que a equipe avança ou recua sua marcação no campo de jogo.

Vejam que os princípios se integram. Se a equipe não se movimentar em bloco, consequentemente perderá sua compactação defensiva. Já se não estiver compactada, o bloco ficará prejudicado.

Como sempre digo, tudo está conectado de uma forma complexa.

Pois bem, vamos para a prática!

Antes disso, vale ressaltar que cada atividade serve apenas para fins didáticos e as mesmas devem ser pensadas sobre a ótica da complexidade do processo.

Vamos lá!

Atividade 1

Descrição
– Atividade de 4 X 4 + 1 coringa; o objetivo da equipe que está fora do quadrado é manter a posse de bola utilizando o coringa colocado entre as linhas de marcação da equipe dentro do quadrado. Por sua vez, a equipe que se defende dentro do espaço é estimulada a pressionar o adversário mantendo sua estrutura organizada e compacta. Se a equipe recuperar a posse de bola, os papéis se invertem entre as equipes.

Regras e Pontuação
– Equipe marca 1 ponto quando trocar 5 passes.
– Equipe marca 2 pontos se fizer um passe certo para o coringa e o mesmo devolver o passe para qualquer jogador da mesma equipe.

Atividade 2

Descrição
– Atividade de 7 X 7 + 2 coringas; atividade realizada em meio-campo, em que o objetivo das equipes é explorar possíveis espaços entre as linhas de marcação do adversário. Os dois coringas jogarão sempre entre as linhas de marcação da equipe que está sem a posse de bola, estimulando, assim, a equipe a manter a sua compactação defensiva e jogar em bloco quando recuar ou avançar no campo de jogo para pressionar o adversário.

Regras e Pontuação

Ataque
– Equipe marca 3 pontos se fizer o gol.
– Equipe marca 1 ponto quando fizer um passe para um dos coringas entre as linhas de marcação do adversário e o mesmo devolver o passe para qualquer jogador da equipe.

Defesa
– Equipe marca 2 pontos se trocar 8 passes entre si.
– Equipe marca 1 ponto quando fizer um passe para um dos coringas entre as linhas de marcação do adversário e o mesmo devolver o passe para qualquer jogador da equipe.

Atividade 3

Descrição
– Atividade de 11 X 11, coletivo com regras adaptadas. O campo será dividido em 6 faixas. A equipe que se defende deve ocupar as duas faixas subsequentes à região da bola, ou seja, se a bola estiver na faixa 2, a equipe deve ocupar as faixas 2 e 3. Exceto quando a bola estiver na faixa 1 – neste caso, a equipe pode ocupar 3 faixas (1, 2 e 3).

Regras e Pontuação

-Equipes marcam 3 pontos quando fizer o gol.

– Equipes perdem 1 ponto quando não estiverem nas faixas corretas do campo.

Chegamos ao fim do segundo capítulo!

Criem os seus, agora, que a série continua!

Até a próxima!

Para interagir com o colunista: bruno@universidadedofutebol.com.br
 

Comentários

Deixe uma resposta