Universidade do Futebol

Gustavo D’Avila

15/01/2015

Um real motivo para a busca pelo melhor desempenho

Muitas vezes percebemos que diversos atletas não obtém o melhor desempenho de suas carreiras, mesmo tendo condições de atuarem nos melhores clubes e nem com a participação das melhores preparações em diversas pré-temporadas.

Podemos nos perguntar o que realmente acontece com a carreira destes atletas. Será que estão sem estímulo para avançar em seus melhores desempenhos ou não acreditam que podem evoluir em termos profissionais?

Quero contribuir com uma reflexão sobre um ponto que talvez possa ser um elemento chave nesta investigação: a falta de uma grande missão em sua vida profissional e a consequente ausência de metas que podem levá-lo a alcançar este resultado final de carreira.

Uma missão que pode nos trazer um propósito para nossas vidas é fundamental para cada um de nós e com o atleta funciona da mesma forma. Dentro de um processo de coaching esportivo o atleta pode definir sua missão e propósito, de forma que estes possam impulsionar seu desempenho profissional e consequentemente sua carreira.

Ao se elaborar a missão e o propósito, o atleta pode elaborar uma lista de grandes metas ou realizações desejadas para sua carreira, como se fosse uma verdadeira lista de sonhos ou desejos, até porque é importante compreender que todo bom planejamento de ações começa com um sonho a realizar.

Esta lista de metas ou objetivos podem ser categorizadas e classificadas, de forma que isto facilite a consequente priorização das ações a serem executadas, bem como os prazos para realiza-las. A partir deste ponto o atleta é orientado e estimulado a construir objetivos bem formulados, que sejam valiosos para ele e estejam de acordo com sua missão e propósito.

Neste ponto em particular acredito estar a grande chave do sucesso da formulação de metas e objetivos para um melhor desempenho profissional, pois de nada adiante termos metas audaciosas e objetivos bem formulados se estes não possuem alinhamento ou congruência com os desejos mais genuínos de quem os persegue.

É de fundamental importância este alinhamento e penso que muitas vezes esta reflexão e questionamento não acontece na vida do atleta, que passa muito mais a navegar conforme o sabor do vento, do que buscar sinceramente conquistas que o permitirão a ele ter inspiração e motivação suficientes para superar seus próprios obstáculos.

Como disse um dia Viktor Frankl: “Quem tem um porquê, enfrenta qualquer como”, e esta frase ilustra exatamente a importância de termos missão e propósito bem definidos nas faces profissional e pessoal de nossas vidas, independente de sermos atletas profissionais ou não.

Até a próxima!
 

Comentários

Deixe uma resposta